Testemunhos

fpultestjoasant

João Santos

Ex-aluno do 5º ano MIP – Cognição Social

A Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa, proporcionou-me um ensino de excelência permitindo um contacto com diversas áreas da Psicologia, criando assim alicerces para a construção de conhecimentos sólidos. Se ao longo da Licenciatura pude ir descobrindo interesses pessoais, agora em Mestrado (Cognição Social) posso explorar a fundo os meus interesses com vista ao que espero um dia vir a contribuir para a Psicologia. A oferta de atividades, de lazer, desportivas, culturais e artísticas é diversificada e de qualidade. Esta oferta permite o contacto, com iniciativas e projetos como Festas, Futsal, Voleibol, Praxe, Teatro, Tuna, entre outras. Pude escolher e participar nas iniciativas com que me identificava, desenvolvendo competências de gestão do tempo. Inserido nestes projetos e não só vivo, aqueles que sei, que estão a ser os melhores momentos da minha vida até agora. Sei que levo daqui, vivências e recordações comigo para a vida.

fpultestinserod

Inês Serôdio

Aluna do 3º ano MIP

Como aluna do segundo ano, a Faculdade de Psicologia tem sido a minha segunda casa. Foi aqui que estabeleci novas amizades, é onde passo a maior parte do meu tempo, onde vivo os momentos mais intensos da minha vida neste momento. É um local onde tenho vindo a crescer e onde espero continuar a fazê-lo. O que mais me marcou desde que faço parte desta instituição foi, sem dúvida, conhecer pessoas que partilham da mesma paixão que eu. Muitas vezes os futuros alunos de psicologia não são muito apoiados pelos colegas ou pela família, e chegar a este sítio e sentir que o que temos em comum é ajudar o outro, é fantástico.

fpultestpatross

Patrícia Rossa

Aluna do 3º ano MIP

A faculdade de psicologia da universidade de Lisboa é importante porque além de ter uma ótima reputação na área de psicologia, vejo-a como um grande apoio para a construção da minha carreira de psicóloga, é como se fosse as asas que me vão permitir voar futuramente na área de psicologia.
O que mais me marca na faculdade é a liberdade que nos dá para nos apaixonar-mos pelas várias áreas da psicologia, assim como as várias oportunidades que temos de conhecer as várias áreas da psicologia.

fpultestjoicworm

Joice Kjolner Worm

Aluna do 5º ano do MIP

A Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa além de representar para mim o lugar onde desenvolvi capacidades intelectuais (enquanto adquiria conhecimentos das diversas teorias, modelos e métodos de investigação) significa também, que fui aceite como pessoa, como colega e como aluna, ao mesmo tempo que experimentava, a cada obstáculo, uma sensação revigorante de resiliência e motivação. Aqui aprendi que o pensamento positivo e a regulação das minhas emoções foram razões do meu sucesso. Agradeço a todos os meus professores, colegas e corpo administrativo por terem feito parte da minha história.

fpultestmafcarv

Mafalda Carvalho

Partner da ProPeople, Formação e Consultoria de Gestão Lda.

Ser aluna da FPUL representou muito mais do que a mera aprendizagem dos temas específicos no âmbito da psicologia. Mediada pelos afetos que facilmente se geravam, a experiência de ser aluna da FPUL reforçou sobretudo a minha paixão pelo saber e o meu pensamento crítico. Ao incentivar-me a um questionamento permanente e a refletir sobre as coisas, a FPUL preparou-me para qualquer atividade profissional que eu viesse a querer desempenhar e não apenas para ser psicóloga. E esse é o principal papel que, no meu entender, uma Faculdade deve ter – expandir a capacidade de pensar. É isso que sobra, mesmo que nos tenhamos esquecido do conteúdo das sebentas. Foi isso que eu trouxe para a vida.

fpultestfilcost

Filipa Costa

Ex-aluna do 5º ano MIP – Recursos Humanos do Trabalho e das Organizações

Enquanto aluna de Psicologia da FPUL, considero que o ensino tem elevada qualidade,  já que nos anos preliminares (licenciatura) é-nos dada uma base sólida sobre o que é a Psicologia de um modo geral, o que nos confere uma excelente “bagagem” para o nosso percurso académico e futuro profissional. Também o corpo docente contribui para este sucesso, os quais sempre se demonstraram cooperativos com os alunos, ajudando-nos na realização de trabalhos e mostrando sempre receptividade para o esclarecimento de dúvidas.

fpultestmafgam

Mafalda Gameiro

Ex-aluna 5º ano MIP
Psiciologia dos Recursos Humanos, Trabalho e Organizações

Não queria começar este pequeno testemunho com uma frase muito clichê, contudo torna-se difícil resistir à expressão: “Os anos de faculdade são os melhores da nossa vida.”.
Recordo, com nostalgia, os primeiros dias de faculdade, o contacto com novas pessoas, a mudança marcante de ambiente e a vontade de absorver tudo sobre todos os temas apresentados nas tão temidas “aulas da faculdade”.
Olhando para trás, identifico um conjunto vasto de competências, tanto técnicas como (…)

Não queria começar este pequeno testemunho com uma frase muito clichê, contudo torna-se difícil resistir à expressão: “Os anos de faculdade são os melhores da nossa vida.”.
Recordo, com nostalgia, os primeiros dias de faculdade, o contacto com novas pessoas, a mudança marcante de ambiente e a vontade de absorver tudo sobre todos os temas apresentados nas tão temidas “aulas da faculdade”.
Olhando para trás, identifico um conjunto vasto de competências, tanto técnicas como interpessoais, que adquiri ou desenvolvi através das experiências vividas nas aulas, seminários, reuniões e outras atividades académicas, nomeadamente na tuna. Através da aquisição de conhecimentos teóricos e da aplicação dos mesmos, de capacidades de gestão de tempo, comunicação em público, resolução de conflitos e atenção ao outro, pude aprender a olhar e interagir com o mundo que me rodeia de maneira mais construtiva e atenta. Para além disto, e num âmbito mais pessoal, estou certa de que levo para a vida um grupo de amigos coeso e que, apesar dos caminhos diferentes que cada um de nós seguirá a partir de agora, haverá sempre tempo para um jantar de convívio e partilha.
close
continuar a ler
fpultestcarol

Carolina Rodrigues Silveira

Estudante de Doutoramento
Oficial do Exército Brasileiro
Membro da Missão de Paz da ONU

Para mim, estudar na  Faculdade de Psicologia da Ulisboa é mais que uma oportunidade de aprender teorias sobre o Mundo das Organizações, mas uma possibilidade de conviver diariamente com pessoas que demonstram –  na prática – que o verdadeiro valor de uma Instituição são as pessoas que nela trabalham. 
O Departamento de Psicologia Organizacional é muito mais que um grupo de trabalho…é uma equipe que se ajuda mutuamente. Fazer parte dessa equipe, ameniza a distância dos amigos e parentes que ficaram do outro lado do Atlântico.

fpultestjandebu

Jana Debus

Responsável de Recursos Humanos da Siemens
[(nac. Alemã) esteve em estância de investigação para tese de mestrado
Radboud University Nijmegen, Netherlands]

I’am studying Psychology of Work, Organization and Health at the Radboud University Nijmegen, Netherlands. Last September (2016) I came to Lisbon to write my Mastert Thesis in collaboration with Professora Maria José Chambel (Faculty of Psychology). When I arrived I got a warm welcome from professors and (PHD-) students. Any question I had was answered and any help I needed was given. I could easily use all the facilities at the university. I spent my time there mostly in the student room, the library and the canteen. I had a great stay and met inspiring people.

fpultestsusancostramlh

Susana Costa Ramalho

Prof. Auxiliar na Universidade Católica Portuguesa
[ex-aluna e ex-doutoranda]

Se de um casamento se tratasse, festejávamos neste ano as nossas bodas de prata! Sim, entrei na Faculdade de Psicologia há 25 anos atrás…e ainda de cá não saí…
Em 1991, trazia comigo o sonho da licenciatura em Psicologia e com ele a vontade de mudar o Mundo. Encontrei nesta casa, em muitos dos que a constroem, a estrutura, o conhecimento, o desafio e a honestidade intelectual com que aprendi a “SER” psicóloga. Em 1996 entro no mundo do trabalho e percebo que sim, podemos ajudar a mudar o mundo, mas…é menos rápido do que sonhámos…e é necessário trabalhar muito e continuar sempre a querer aprender. Volto por isso em 2006 para a FP com o propósito do Mestrado na área de especialização de Stress e Bem-Estar. Enfrento novos desafios mas reencontro a organização, o rigor e a exigência que potenciam a vontade de ser, todos os dias, melhor profissional. Reencontro ainda em muitos o afeto que dá sentido às aprendizagens e que toma o rosto daqueles que, com seriedade e incontável dedicação, querem na nossa faculdade contribuir para a formação de profissionais de excelência na Psicologia em Portugal. Com (…)

Se de um casamento se tratasse, festejávamos neste ano as nossas bodas de prata! Sim, entrei na Faculdade de Psicologia há 25 anos atrás…e ainda de cá não saí…
Em 1991, trazia comigo o sonho da licenciatura em Psicologia e com ele a vontade de mudar o Mundo. Encontrei nesta casa, em muitos dos que a constroem, a estrutura, o conhecimento, o desafio e a honestidade intelectual com que aprendi a “SER” psicóloga. Em 1996 entro no mundo do trabalho e percebo que sim, podemos ajudar a mudar o mundo, mas…é menos rápido do que sonhámos…e é necessário trabalhar muito e continuar sempre a querer aprender. Volto por isso em 2006 para a FP com o propósito do Mestrado na área de especialização de Stress e Bem-Estar. Enfrento novos desafios mas reencontro a organização, o rigor e a exigência que potenciam a vontade de ser, todos os dias, melhor profissional. Reencontro ainda em muitos o afeto que dá sentido às aprendizagens e que toma o rosto daqueles que, com seriedade e incontável dedicação, querem na nossa faculdade contribuir para a formação de profissionais de excelência na Psicologia em Portugal. Com este estímulo, nesta mesma casa, sigo para a formação avançada e proponho-me a realizar o doutoramento em Psicologia da Educação, iniciando um novo ciclo que se completou em dezembro de 2015.
É por tudo isto que recordo a Faculdade de Psicologia da UL e que, com profunda Alegria, revivo 25 anos de aprendizagem, de desafios ultrapassados, de partilha, de desenvolvimento pessoal e de valorização profissional. Mais importante ainda, marcam-me 25 anos de afetos e de Pessoas que fazem e sempre farão parte da minha História. Na FP, como em todos os sonhos e em todas as nossas “casas”, não foi sempre fácil…mas foi sempre possível…
close
continuar a ler
fpultestmariangiunch

Marianna Giunchi

Professora de Psicologia do Trabalho na Universidade de Paris Oeste Nanterre La Défense.
[(nac. Italiana) Ex-estância de investigação para tese de mestrado, Universidade de Torino, Itália]

l mio soggiorno presso la Facoltà di Psicologia dell’Università di Lisbona è iniziato nel 2013, quando ero alla ricerca di uno stage di 6 mesi per accedere all’esame di stato per la professione di psicologo in Italia. Il periodo trascorso presso la Facoltà di Psicologia con il gruppo di ricerca, sotto la supervisione della professoressa Maria José Chambel, è stato molto importante per la mia carriera, perché è lì che ho scoperto il mio interesse per la ricerca e il desiderio di continuare i miei studi con un dottorato.
L’esperienza presso la Facoltà di Psicologia dell’Università di Lisbona ha contribuito a valorizzare il mio curriculum ed è stata valutata positivamente quando ho vinto il concorso di dottorato presso l’Università di Torino, in Italia. Allo stesso modo, quando ho presentato la mia candidatura per la cotutela a Parigi.
Sono molto grata alla Facoltà di Psicologia dell’Università di Lisbona per aver segnato l’inizio della mia passione per la ricerca e di tutte le opportunità che ho trovato successivamente nella mia carriera accademica.

Fui para a Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa em 2013, quando estava a procura de um estagio de 6 meses para ter acesso o exame de Estado de Psicólogo na Itália.  O período passado na faculdade de Psicologia com a equipa de investigação sob a orientação da Professora Maria José Chambel foi muito importante para a minha carreira porque foi o primeiro momento em que descobri o meu interesse na investigação e a vontade de continuar os meus estudos com o doutoramento.
A experiência na Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa contribuiu para que o meu currículo foi avaliado positivamente quando ganhei o concurso do doutoramento na Universidade de Turim, na Itália e também quando apresentei a minha candidatura para a cotutela a Paris.
Estou muito grata à Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa por ter sido o inicio da minha paixão pela investigação e de todas as oportunidades que encontrei no caminho da minha carreira académica.
close
ver tradução
fpultestcleidfatmoret

Cleide Fátima Moretto

Professora da Universidade de Passo Fundo (UPF), Brasil
[(nac.Brasileira) ex-Pós-Doutoramento]

A Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa me permitiu uma experiência única, em termos de conhecimento e de relações pessoais, durante a realização de meu estágio pós-doutoral em Psicologia Social e do Trabalho. A oportunidade de fazer parte de um grupo de pesquisadores com conexões a outras instituições de ensino e de pesquisa internacionais abriu novas possibilidades de discussão teóricas e o seu aprofundamento. Essa experiência pode ser compartilhada com o meu grupo de pesquisa no Brasil e dela surgiram outros importantes projetos e resultados de pesquisa. A alta competência técnica e teórica dos professores, em especial da Prof. Doutora Maria José Chambel, dos doutorandos e mestrandos da faculdade de psicologia, todavia, não alcança o âmbito das relações proporcionado: o espaço humanizado e sensível fez com que a minha passagem pela instituição significasse uma intensa troca de vida!

fpultestilpoantonlall

Ilpo Anton Lalli

Aluno do 4º ano do MIP

A faculdade de psicologia da universidade de Lisboa está a ser importante para mim porque graças a ela estou constantemente adquirir conhecimento, experiência útil para o meu futuro profissional e crescendo como pessoa. Com docentes e funcionários de excelência, conciliando com um ambiente agradável proporcionado através dos seus alunos. Promove-se assim um desempenho académico de qualidade, cheio de vivências diversificadas a todos os estudantes. Por estas e por muitas outras razões a faculdade de psicologia da universidade de Lisboa marcou-me como aluno de hoje e profissional de amanhã

fpultestinaachadnh

Inês Machadinho

Aluna 5º ano do MIP
Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações

Frequento neste momento o segundo ano de mestrado na FPUL. Hoje, sinto-me grata pela escolha que fiz há cerca de quatro anos atrás. Sem dúvida que a nossa formação representa parte daquilo que seremos e, da mesma forma, a Instituição que escolhemos fará sempre parte de nós.
Aliado a um ensino de excelência, orgulho-me de pertencer a uma Faculdade onde imperam um espírito de partilha e de interajuda tremendos, de onde diariamente retiramos conhecimentos e vivências inigualáveis. Estudar aqui oferece-nos a oportunidade de crescer, tanto a nível académico como pessoal, junto de referências inspiradoras que nos incutem uma enorme vontade de ir mais além e abraçar novos desafios.

fpultestmadalenrabac

Madalena Rabaça

Aluna do 5º ano do MIP

A Faculdade trouxe até mim tudo aquilo que eu tinha sonhado desde que soube que queria seguir Psicologia. Para além de ter sido a primeira opção de escolha, considero que foi e continua a ser a melhor. Aqui já pude aprender com os melhores profissionais da área, o que me levou a crescer muito a nível cognitivo, mas também tive a possibilidade de mostrar os meus conhecimentos a toda a comunidade. Acima de tudo, a FPUL é um local de aprendizagem, de muita entreajuda, e grandes oportunidades!

fpultestroslem

Rosa Lemos

Aluna do 3º ano do MIP

Para mim a faculdade de psicologia é um local de conhecimento. É onde eu estou a construir o meu futuro e onde tenho todas as ferramentas para que tal aconteça.

fpultestfilipsobrl

Filipa Sobral

Professora Auxiliar Convidada
Faculdade de Psicologia e Educação
Universidade Católica Portuguesa, Porto
[ex-estudante de doutoramento]

Longe de ter um percurso académico linear, o meu testemunho reflete a cada vez maior interdisciplinaridade entre as diferentes áreas do conhecimento, nomeadamente dentro das ciências sociais. Apesar de ser Socióloga de formação base, a concretização de um Doutoramento em Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações, permitiu-me alargar o meu conhecimento e obter uma perspetiva mais abrangente (…)

Longe de ter um percurso académico linear, o meu testemunho reflete a cada vez maior interdisciplinaridade entre as diferentes áreas do conhecimento, nomeadamente dentro das ciências sociais. Apesar de ser Socióloga de formação base, a concretização de um Doutoramento em Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações, permitiu-me alargar o meu conhecimento e obter uma perspetiva mais abrangente da realidade, particularmente dentro do mundo das organizações. Estando ligada à Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa (FPUL) desde 2010, olho hoje para trás e reconheço o trajeto imensurável que esta instituição me proporcionou e que me fez chegar, ao que considero hoje, um nível de elevada qualidade profissional, reconhecida e valorizada por outras instituições de ensino superior. Nestes últimos anos, a integração no seio de uma equipa competitiva, competente e motivadora, como aquela que sempre encontrei na FP-UL, desafiou-me para o desenvolvimento e aquisição de novas competências académicas e não só. Gostaria de ressalvar que nem só de conhecimento académico puro, leituras de livros e artigos ou da construção de produtos científicos se faz um bom aluno, investigador ou cientista social. É preciso que o contexto nos proporcione alimento para o “espírito”, que nos fortaleça enquanto seres humanos. Na FPUL é fácil encontrarmos docentes, funcionários e colegas sempre disponíveis para um conselho, uma risada ou para nos oferecerem um ombro amigo.
close
ler mais
fpultestanfilipirejesu

Ana Filipa Pires Jesus

Bolseira de Investigação na FPUL

Estudar na FPUL foi, sem dúvida, uma etapa muito importante na minha vida. Foi nesta Faculdade que tirei a minha Licenciatura em Psicologia e fiz o meu Doutoramento em Psicologia da Saúde. Ao longo deste caminho tive a oportunidade de aprender conhecimentos importantíssimos e o privilégio de conhecer excelentes professores com muito boas capacidades para lecionar, motivar e apoiar os seus alunos. Posso afirmar, com convicção, que quando iniciei a minha aprendizagem na FPUL era uma “curiosa pela Psicologia” mas rapidamente me tornei numa “apaixonada pela Psicologia”, com uma grande satisfação e realização pessoal nesta área, devido ao meu percurso académico na FPUL.

fpultestIsabcristgonclvs

Isabel Cristina Gonçalves

Coordenadora do Gabinete de Apoio ao Tutorado do IST-ULisboa

Estudar na FPUL mudou a minha vida. Olho para trás e foi lá que conheci o meu marido, com quem casei, de quem tive uma filha. Os meus maiores amigos são, ainda hoje, os meus colegas de curso. Foi com eles que vivi alguns dos momentos mais significativos da minha vida. Encontrá-los, partilhar com eles projetos profissionais, ver como são bem-sucedidos profissionalmente, olhá-los e ver neles aqueles que são e aqueles que foram quando os conheci faz-me dar um especial valor ao tempo que passa. Os meus Professores foram e ainda são (…)
Nesta fase de maturidade na minha carreira posso olhar para trás e ver com maior lucidez o que fiz, e também qual o contributo que a minha passagem pela FPUL teve para a minha vida – sei que soube tirar partido ao máximo das oportunidades que me foram dadas, mas também sei que a formação sólida que recebi fez toda a diferença, hoje em dia agradeço à FPUL procurando criar postos de trabalho para os que são mais jovens do que eu.

Estudar na FPUL mudou a minha vida. Olho para trás e foi lá que conheci o meu marido, com quem casei, de quem tive uma filha. Os meus maiores amigos são, ainda hoje, os meus colegas de curso. Foi com eles que vivi alguns dos momentos mais significativos da minha vida. Encontrá-los, partilhar com eles projetos profissionais, ver como são bem-sucedidos profissionalmente, olhá-los e ver neles aqueles que são e aqueles que foram quando os conheci faz-me dar um especial valor ao tempo que passa. Os meus Professores foram e ainda são enormes referências na minha vida, e a alguns tenho o privilégio de poder chamar amigos, com eles sentindo que continuo a crescer como ser humano. Alguns destes amigos já partiram, entre Professores e colegas, e também lá estivemos, juntos, nesses momentos difíceis.
Profissionalmente o meu curso de Psicologia, na área de Psicoterapia e Aconselhamento, deu-me todas as ferramentas de que necessitei para ser reconhecida e ter prazer no que faço. Já fui aluna de licenciatura na Faculdade de Psicologia, Delegada de Curso (durante cinco anos), Assistente (durante três anos) e, presentemente, aluna de Doutoramento. Fiz Clínica Privada, dei aulas, fiz Supervisão Clínica, fui Formadora na área comportamental, participei em projetos de investigação, escrevi artigos, editei um livro, criei e coordenei o Serviço de Apoio Psicológico do IST (durante dez anos), fui Presidente da RESAPES-AP – http://resapes.wix.com/web e da Comissão de Estágios da Ordem dos Psicólogos Portugueses. Agora, com cinquenta anos, coordeno o Gabinete de Apoio ao Tutorado – http://tutorado.tecnico.ulisboa.pt/, e sinto que os últimos doze anos foram dos mais ricos da minha vida, em termos profissionais.
Nesta fase de maturidade na minha carreira posso olhar para trás e ver com maior lucidez o que fiz, e também qual o contributo que a minha passagem pela FPUL teve para a minha vida – sei que soube tirar partido ao máximo das oportunidades que me foram dadas, mas também sei que a formação sólida que recebi fez toda a diferença, hoje em dia agradeço à FPUL procurando criar postos de trabalho para os que são mais jovens do que eu.
close
ler mais
fpultestlaurlorentpriet

Laura Lorente Prieto

Profesora en el Departamento de Psicología Social 
Universidad de Valencia
[(nac. Espanhola) ex-Internship research]

He tenido la oportunidad de realizar dos estancias en la Universidad de Lisboa (una estancia por docencia y otra por investigación). Ambas han sido para mí una experiencia muy gratificante tanto a nivel profesional como personal, ya que Mª José Chambel y su equipo me hicieron sentir como en casa. Sólo puedo mostrar gratitud hacia ellos, pues son grandes profesionales con excelente calidad humana.

fpultestisabandrd

Isabel Andrade

Partner da Bright Concept

Adorei estar na FPUL pelo que aprendi, por toda a atmosfera que se criou e os amigos que fiz. Foi nos anos 1984-89, estávamos a entrar na CEE e a Psicologia estava a despertar nas empresas Portuguesas. Os professores estavam muito empenhados e os alunos também para que a psicologia tomasse um papel importante na sociedade. As questões éticas eram levadas muito a sério e a investigação científica também. Havia muita colaboração entre os colegas e muitos trabalhos de grupo que nos levavam a fazer noitadas que se tornavam memoráveis. Havia muita diversidade nos alunos e os professores eram bastante próximos de nós. Tudo isto transportei para as minhas empresas, mantendo sempre o contacto com a FPUL através dos estágios académicos.

José Cardeira Seno

Managing Partner da Primesearch

Adorei estar na FPUL pelo que aprendi, por toda a atmosfera que se criou e os amigos que fiz. Foi nos anos 1984-89, estávamos a entrar na CEE e a Psicologia estava a despertar nas empresas Portuguesas. Os professores (…)

Adorei estar na FPUL pelo que aprendi, por toda a atmosfera que se criou e os amigos que fiz. Foi nos anos 1984-89, estávamos a entrar na CEE e a Psicologia estava a despertar nas empresas Portuguesas. Os professores estavam muito empenhados e os alunos também para que a psicologia tomasse um papel importante na sociedade. As questões éticas eram levadas muito a sério e a investigação científica também.
Havia muita colaboração entre os colegas e muitos trabalhos de grupo que nos levavam a fazer noitadas que se tornavam memoráveis.
Havia muita diversidade nos alunos e os professores eram bastante próximos de nós.
Tudo isto transportei para as minhas empresas, mantendo sempre o contacto com a FPUL através dos estágios académicos.
close
ler mais

Artur Nunes

Managing Partner da Humanpersi

A formação de base sistémica em Psicologia que adquiri na FPUL constitui, até aos dias de hoje, a base do meu pensamento quando faço intervenção, ou formo outros capazes de a fazer, em gestão da mudança (…)

A formação de base sistémica em Psicologia que adquiri na FPUL constitui, até aos dias de hoje, a base do meu pensamento quando faço intervenção, ou formo outros capazes de a fazer, em gestão da mudança nas organizações. Esta formação de base moldou a forma como vejo o mundo e consigo agir sobre ele. Por outro lado, estudar na FPUL permitiu-me descobrir o que mais me fascinava dentro dos vários campos da Psicologia, tendo sido o estagio em organizações que fiz num grande grupo económico determinante para essa descoberta.
close
ler mais

Pablo González-Rico

Responsável de Recursos Humanos, Madrid
[(nac.Espanhol] ex-co-Doutorando Universidad de Extremadura]

Mi paso por la facultad de Psicología de la Universidad de Lisboa ha sido una etapa muy importante en mi vida. Vivir fuera de tu ciudad y tu país siempre es enriquecedor, pero en la Universidad de Lisboa encontré (…)

Mi paso por la facultad de Psicología de la Universidad de Lisboa ha sido una etapa muy importante en mi vida. Vivir fuera de tu ciudad y tu país siempre es enriquecedor, pero en la Universidad de Lisboa encontré compañeros y profesores que me enseñaron a ser mejor profesional.
Los profesores tienen gran experiencia en docencia e investigación tanto a nivel nacional como internacional, lo cual hace que aprendas de los mejores.
De la misma manera, hay compañeros estudiantes y futuros doctores de todos los países del mundo, pudiendo así comprender la forma de trabajar de distintas culturas siempre bajo la misma premisa: la colaboración y el trabajo en el equipo.
Sin duda, recomendaría y animaría a todos aquellas personas que puedan estudiar y formarse en la Facultad de Psicología de la Universidad de Lisboa.
Yo, sin duda, deseo volver!
close
ler mais

Inês Quintela

Consultora na SHL

A Faculdade de Psicologia foi fundamental tanto para o meu crescimento pessoal, académico como profissional. Pessoal porque marcou a viragem mais importante da minha vida, a saída de casa dos pais. Esta viragem acaba por ser dura no início, por tudo a que estamos habituados durante 18 anos (…)

A Faculdade de Psicologia foi fundamental tanto para o meu crescimento pessoal, académico como profissional. Pessoal porque marcou a viragem mais importante da minha vida, a saída de casa dos pais. Esta viragem acaba por ser dura no início, por tudo a que estamos habituados durante 18 anos e depois acaba por ser uma construção da nossa independência enquanto jovens adultos. A faculdade foi importante nesse sentido visto ser a minha segunda casa, onde podia ser eu, onde me sentia bem, onde tinha os meus, ou melhor, onde tinha os que se tornaram meus, nestes 5 anos.
Contribuiu também para o meu crescimento académico dada a visão que me foi passada, as novas teorias que passei a conhecer, as diversas formas de intervenção, a forma como pensamos, como agimos e sobretudo como nos relacionamos. Foram muitos os conhecimentos que adquiri que são ainda hoje fulcrais na minha adaptação às diferentes situações e pessoas que atravessam no meu caminho.
Por fim, a nível profissional, a faculdade foi também importantíssima porque numa fase final me deu a conhecer o que me esperava no mundo lá fora e sobretudo serviu de impulso para me lançar no mercado de trabalho.
Na minha passagem pela faculdade marcaram-me sobretudo as pessoas e as relações. As diferentes pessoas, tanto os que simplesmente via todos os dias, os que dizia simplesmente um olá, os com os quais me sentava e conversava, os que ainda hoje fazem parte da minha vida e são fundamentais nela e, por fim mas não menos importante, os docentes. A relação que foi estabelecida com alguns docentes não fazia em nada lembrar o mito que na faculdade, “os professores não sabem o teu nome”. Existia e existe uma preocupação pelo nosso bem estar, e sobretudo pelo nosso sucesso académico, algo pelo qual lutamos durante os 5 anos, e sem dúvida que os docentes marcaram esse período da minha vida.
Lisboa foi uma surpresa agradável e a Faculdade de Psicologia foi uma surpresa extraordinária, por tudo o que fui e sou hoje.
Obrigada!
close
ler mais

Louise Dubé

Ex-aluna MIP

Ao entrar para a Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa, não fazia ideia do que seria o meu futuro, termino um percurso de aprendizagem, trabalho e crescimento, completamente apaixonada pela Psicologia Clínica e pelos seus inúmeros ramos de intervenção possíveis e imagináveis.
Os livros, autores e professores com os quais tanto aprendi, (…)

Ao entrar para a Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa, não fazia ideia do que seria o meu futuro, termino um percurso de aprendizagem, trabalho e crescimento, completamente apaixonada pela Psicologia Clínica e pelos seus inúmeros ramos de intervenção possíveis e imagináveis.
Os livros, autores e professores com os quais tanto aprendi, regaram as sementes de uma paixão que tinha pela humanidade e a sua acção, cognição e emoção. Os colegas, amigos e família que criei nos momentos de lazer e de reflexão, ajudaram a endurecer o tronco da árvore que via crescer em mim. Hoje, esta árvore ainda tão jovem, que criou raízes em Lisboa e na memorável vivência académica que tive na sua nobre Academia, permite-me continuar a estudar mais longe com esperança de poder dar ao(s) Outro(s) aquilo que aprendi. Na nossa Faculdade pude crescer mais forte e saber que a nossa relação para com os outros é singular, essencial e determinante. Hoje alimento esta árvore porque sei que frutos vai dar, se continuar a regá-la como o fiz e fizeram nos últimos 5 anos. Porque acredito que um Psicólogo(a) deve escrever-se com P grande, com orgulho e dedicação, a nós e aos outros, com autenticidade e bondade, construindo e contribuindo para uma sociedade melhor e para o bem-estar humano.
close
ler mais

Cátia Amorim

Aluna do 2º ano MIP

Quando entrei na faculdade de psicologia da Universidade de Lisboa foi o realizar de um sonho, foi um passo mais perto do meu objectivo final, tornando-se assim na minha segunda casa. Em 2 anos o que mais me marca na faculdade são os docentes que trabalham nesta faculdade devido à dedicação que têm e que, de certo modo, me inspira.

Pedro Honório

Diretor Recursos Humanos da Estoril Sol
Casinos Estoril e Lisboa

Suponho que antes, como hoje, para qualquer jovem adulto em idade “pós liceal”, a realização de um curso superior pode representar uma dupla aprendizagem. Primeiramente, a aquisição de conhecimentos e a reflexão sobre aspetos mais específicos e mais diretamente relacionados com a área de formação escolhida, no meu caso concreto, a psicologia na variante de psicossociologia das organizações procurando compreender comportamentos (…)

Suponho que antes, como hoje, para qualquer jovem adulto em idade “pós liceal”, a realização de um curso superior pode representar uma dupla aprendizagem. Primeiramente, a aquisição de conhecimentos e a reflexão sobre aspetos mais específicos e mais diretamente relacionados com a área de formação escolhida, no meu caso concreto, a psicologia na variante de psicossociologia das organizações procurando compreender comportamentos individuais e grupais em contextos sociais onde, inevitavelmente, cada indivíduo está inserido.
Mas, para além disso, pode supor também a aquisição de uma meta aprendizagem, isto é, a reflexão crítica sobre os modos de conhecimento utilizados quer na ciência quer no senso comum o que, no meu caso concreto, possibilitou a familiarização com a abordagem sistémica que, mais do que ensinar conteúdos, ensinou-me a questionar conteúdos adquiridos e aprender novos conteúdos ou novas perspetivas sobre os mesmos. Para além de me abrir horizontes sobre a importância das relações, mais do que a mera compreensão dos entes entendidos isoladamente. Talvez por isso, quando depois conclui o meu curso, fosse por via da experiência profissional que fui adquirindo ou por via de outras formações que realizei, consegui (julgo) manter uma perspetiva aberta, flexível, crítica, mas apesar de tudo eficaz, que me permitiu desenvolver aprendizagens, experiências e competências noutros domínios da gestão, designadamente na área da gestão de recursos humanos, da gestão das organizações, bem como na dinamização de líderes e de talentos, não apenas na vertente empresarial mas também na vertente desportiva.
Transportei para a atualidade a ideia central de que, cada vez mais, o que importa não é apenas aprender determinados conteúdos mas sim aprender a aprender.
E este é um legado que conservarei para sempre e que resulta da minha passagem pela FPUL.
close
ler mais

Inês Granja

Aluna do 5º ano

Aquilo que diferencia a Faculdade de Psicologia, na minha opinião, é o seu esforço na integração dos alunos, para que se sintam bem e pertencentes à instituição.
Não é apenas o curso em si, a faculdade promove a escolha pela pessoa. Há uma importância na valorização do lado humano, mesmo na área organizacional, e uma liberdade de opções no percurso que nos permitem chegar ao “lugar certo”, ou seja, aquele onde gostamos de estar e onde para nós é mais relevante compreender o ser humano.

Eva Meier-Diedrich

Erasmus Student from Germany

I was positively surprised by the openness and helpfulness of my fellow students. They showed me around, helped me to follow the class content and taught me Portuguese in our lunch break. I am very happy that I have been welcomed in such a nice way.