II ENCONTRO CYBERBULLYING
A regulação do comportamento através da linguagem

  • Data
    28 outubro 2019

  • Localização
    Anf. I e II – FPUL

  • Entrada
    Livre

  • Programa
    Consulte aqui

Na última década, particularmente entre os jovens, têm-se registado um aumento da incidência de episódios de cyberbullying. Neste sentido, profissionais de diversas áreas (e.g., Psicologia, Educação, Sociologia, Engenharia) têm procurado compreender melhor este fenómeno, investigando-o e intervindo de forma direcionada.

O cyberbullying – caracterizado por comportamentos com a intenção de magoar outros, realizados através da utilização repetida de computadores, telemóveis e outras tecnologias de comunicação – parece ampliar os efeitos negativos já conhecidos e associados ao bullying tradicional. Estas novas formas de comportamento agressivo podem assumir consequências graves para os jovens envolvidos e, em casos extremos, conduzir ao suicídio.

O projeto Cyberbullying: The regulation of behavior through language (PTDC/MHCPED/3297/2014), financiado por fundos nacionais da FCT, pretende, através do melhor entendimento desta problemática, desenvolver novas formas de intervenção. Neste sentido, a principal finalidade desta investigação incide no desenvolvimento de uma aplicação que ajude os jovens a regularem o seu comportamento em situações de cyberbullying, através da linguagem.

Neste encontro, a equipa de investigadores do projeto pretende dar a conhecer os principais resultados dos estudos realizados e ainda dar a conhecer o protótipo da aplicação. Paralelamente, procurar-se-á refletir sobre pistas orientadoras relativamente ao trabalho futuro e à intervenção com jovens no
âmbito do cyberbullying.

  • PROGRAMA

    13:00 – 15:00 | Conferência “Procesos de autorregulación y problemas de acosso y ciberacoso entre escolares. Una propuesta de intervención” Anfiteatro I

    Orador: Joaquín Antonio Mora Merchán (Universidade de Sevilha)
    Resumo: Los procesos de autorregulación no han sido suficientemente abordados en el estudio de los problemas de acoso (y ciberacoso) entre escolares. Sin embargo, la evidencia existente nos señala que estos procesos, como sucede en otros ámbitos del comportamiento, juegan un papel relevante a la hora de verse implicados en estos episodios y en el afrontamiento ante este tipo de situaciones. En esta presentación, analizaremos los vínculos entre los procesos de autorregulación y los fenómenos de acoso y ciberacoso y presentaremos cómo se pueden estimular estas habilidades en intervenciones de éxito.

    15:30 – 18:00 | “Com Viver online para desenvolver comportamentos pró-sociais. Construção de uma aplicação” Anfiteatro II

    Coordenador: Ana Margarida Veiga Simão (FPUL)
    Comentários de Joaquín Antonio Mora Merchán (Universidade de Sevilha) e de Maria José Martins (Instituto Politécnico de Portalegre)
    Resumo: Devolução pública dos resultados do projeto “Cyberbullying: The regulation of behavior through language”,

  • EQUIPA

    Adelina Lopes da Silva (FPUL) / Ana Margarida Veiga Simão (CICPSI-FPUL) / Hugo Rosa (IST-INESC-ID) / Isabel Trancoso (IST-INESC-ID) / João Paulo Carvalho (IST-INESC-ID) / Luísa Coheur (IST-INESC-ID) / Nádia Pereira (CICPSI-FPUL) / Patrícia Loureiro (FPUL) / Paula Costa Ferreira (CICPSI-FPUL) / Paula Paulino (CICPSI-FPUL) / Ricardo Ribeiro (ISCTE, INESC-ID) / Sofia Francisco (CICPSI-FPUL) / Sofia Oliveira (CICPSI-FPUL) / Sidclay Souza (CICPSI-FPUL) / Telma Mota (Altice Labs, S.A)

  • COMISSÃO ORGANIZADORA

    Ana Margarida Veiga Simão (CICPSI-FPUL)
    Patrícia Loureiro (FPUL)
    Paula Costa Ferreira (CICPSI-FPUL)
    Sofia Oliveira (CICPSI-FPUL)